Parcerias com o comércio da vizinhança: sinônimo de lucro!

Por TRESemmé | em 27/02/2014

A importância de fazer parcerias com as empresas e o comércio da vizinhança
Há uma década, o mercado da beleza era muito menos competitivo do que hoje. Atualmente, vê-se o crescimento no número de salões de beleza por região, e aquele estabelecimento que reinava sozinho na rua, agora divide espaço - e clientela - com uma porção de outros. O que fazer, então, para manter e aumentar a margem de lucros?

Além do marketing personalizado, que leva em consideração a relação próxima entre clientes e profissionais, especialistas apontam que conhecer o bairro onde seu salão está é fundamental para garantir o sucesso nos negócios. "A capacidade para fazer parcerias sustentáveis com clientes, fornecedores e colaboradores é fundamental", diz Marcelo Ribeiro, consultor especializado em gestão empresarial.

Conhecendo a faixa etária e o perfil socioeconomico dos seus possíveis clientes, é possível customizar pacotes de serviços e realizar parcerias com empresas e comércios da vizinhança. "Não é simplesmente investir em treinamentos para o atendimento ao cliente. É a preocupação constante, real e sincera com a satisfação desse cliente. A ideia é fazer com que ele sinta prazer em retornar ao salão, indicando e recomendando os profissionais", diz o expert em negócios Vagner Torres.

Para isso, preços diferenciados, e-mails marketing mostrando os benefícios do serviços e distribuição de flyers são alternativas baratas e fundamentais para estabelecer esse contato. Além disso, uma ótima ideia é reservar pequenos períodos na sua agenda para circular pelo bairro: conversar com as pessoas, tomar café na padaria ou visitar aquela loja de roupas pode ser uma boa alternativa para fazer novas amizades e clientes.